29 março 2011

Quando a dúvida passa por mim


a única certeza que trago
é a de que nada é certo


não aprendi a linguagem das estrelas
não diferencio copas de espadas
não sei ver o destino no tarô


verdades são verdades
até se tornarem mentiras


e quando a dúvida passa por mim
tento erguer um muro com as poucas meias-verdades que juntei
e me proteger das outras meias-verdades que não me convencem



arte de Escher

Postar um comentário