30 julho 2016

Ainda que sóis


aqui estamos nós
ainda que sós
com um passado no bolso
e estrelas no olhar
essa estrada é nossa
o destino acena de longe
e nossas almas assobiam 
a mesma canção

aqui vamos nós
sem band-aid no coração
sem reservas 
sem domínios
no avesso dos caminhos
que a vigília desatenciosa
mostrou como certos
o amor acende 
as palavras que reinarão
acima de todas as mentiras

aqui somos nós
nossas dores
nossa casa
nossa dança
de mãos dadas
ainda que sós
ainda que sóis



Postar um comentário