26 janeiro 2011

E se...

se o poeta se rendesse
ao avesso do remendo
deixasse de ser o arremedo
do medo de apenas ser
se a alma em arremesso
se revertesse pra dentro
no centro que é o começo
de todo verbo do ser
seria o poeta enredo
do verso que em si enreda
vereda do universo
de vir, ver e vencer?



arte de Freydoon Rassouli
Postar um comentário