04 abril 2011

O Poeta




fosse o poeta um pássaro e voaria livre todas as manhãs

fosse o poeta uma lágrima e liberta verteria dos olhos

fosse o poeta fogo e arderia desgarrado a consumir-se

fosse o poeta flor e livre entregaria seu perfume


mas o poeta é palavra

é som e explosão

é alma e coração

e quando se expande

pode ser lágrima, flor

voo, fogo e paixão


e só assim pode ser livre


arte de Freydoom Rassouli


Postar um comentário